Corte & Costura

Pílula abortiva - Não se trata aqui do Barco do Aborto que mereceu uma reacção do nosso governo, mais do discutível. Não senhor, trata-se tão só de outros abortos, que não merecem qualquer reacção do Ministério da Cultura que se prendem com a não existência de horários, atrasos nos pagamentos e outras coisas mais que afectam os trabalhadores dos museus, palácios e monumentos. Será que política e moralmente estas situações também não são uns abortos?                                                     28/08/04

Receitas - Enquanto se divulgam números relativos a entradas em museus e monumentos, quase todos abaixo dos verificados em anos anteriores, deixa-se de lado o montante arrecadado nas bilheteiras e lojas desses serviços. Nos museus, infelizmente, não há a registar grandes variações, já nos palácios e monumentos os números revelam um aumento significativo, ao que não é alheio o aumento dos bilhetes. Embora se tenha arrecadado mais dinheiro verifica-se também que nunca houve atrasos nos pagamentos como nos últimos 12 meses. Porque será ?                                              30/08/04

Balanço do semestre - A realização do Euro não trouxe  nada de bom para a Cultura. Os visitantes diminuiram em Junho duma forma assustadora e as vendas das lojas também caíram. Correu bem o Euro (futebol), mas tudo o resto foi mau e como corolário Durão Barroso abandona o cargo e arrasta os outros ministros. Tudo fica parado à espera dum novo governo que, seja qual for, vai passar seis/sete meses a elaborar o orçamento de 2005 e até Março tudo fica em stand by. Não há pachorra !                                 4/7/2004

ABONO PARA FALHAS

A situação - Foi conversado, parecia ser pacífico mas ainda não houve medidas tomadas. O espírito de poupança atinge as raias do ridículo num caso que é mais claro do que água. Nós não embarcamos em futebóis e, se não for reposta a legalidade saberemos agir.                        3/7/2004

Monserrate restaurado ? - Com direito a notícia nos jornais, foi assim que se soube que o Palácio de Monserrate viu concluída uma fase de restauro que terá incidido sobre as coberturas e elementos estruturais. O Guardião promete colocar-se em campo e verificar o que foi feito. A propósito, também vamos dar alguma atenção à empresa Montes da Lua e à sua ligação (?) ao Palácio Nacional da Pena.                    26/8/04 

 Estamos fulos - O IPPAR continua a deixar-nos de queixo caído com algumas explicações que dá. É o caso dum trabalhador que pergunta em que pé é que estão os pagamentos do feriado de 25 de Abril e de outro trabalho extraordinário, resposta pronta dos serviços centrais - o funcionário que trata do assunto está de férias, pelo que não posso responder, mas logo que volte ... . Será que é normal uma coisa destas? Será que na segunda semana de Agosto ainda estejam por pagar quantias referentes a Março, Abril, Maio, Junho e Julho? É que o cinto quando aperta, aperta que se farta !    15/8/04